fbpx
AnálisesNintendoPCPlayStationXbox

RIOT: Civil Unrest – REFUSE / RESIST | Análise

Analisado no PC

 

RIOT: Civil Unrest é um “RTS” desenvolvido por Leonard Menchiari, IV Productions e distribuído pela Merge Games, a versão final do jogo foi lançada em 12/02/2019 e está disponível para PC, PS4, Xbox One e Nintendo Switch.

RIOT é um jogo de estratégia que nos coloca no meio de alguns dos principais protestos e conflitos das últimas décadas, como por exemplo a “Primavera Árabe”. Durante a campanha, nós iremos jogar controlando as forças rebeldes ou as forças policiais para cumprir os objetivos do mapa dentro do tempo delimitado.

 

 

O gráfico é bonito e apesar de ser feito em pixel art, possui vários detalhes que acabam por acentuar um dos problemas do jogo, mas falaremos disso adiante. A trilha sonora é boa e consegue passar a sensação de multidão em conflito.

 

Vamos falar um pouco do gameplay, para começar você escolhe o modo de jogo, decide se vai com os rebeldes ou com a polícia, customiza suas unidades e agora começa a bagunça. Sim, bagunça, você não pode selecionar unidades e não pode customizar seus pelotões, tudo já está pré-definido, a única maneira de ter um pouco de controle é usar os ícones de grupos e mesmo assim se você clicar sobre uma unidade provavelmente você irá comandar todas ao redor.

 

 

Os comandos de habilidade são um tanto confusos, você tem que selecionar a habilidade e clicar na área que vai usar e na maioria das vezes a habilidade entra em cooldown e você não sabe se ela foi realmente usada.

Os gráficos em pixel art são bonitos, mas na hora que as unidades começam a se enfrentar fica quase impossível de se saber quem é quem e tudo vira uma bagunça, daí o problema que eu comentei anteriormente sobre o estilo gráfico do jogo.

 

 

 

Infelizmente RIOT: Civil Unrest falha como um RTS, pois o sistema de controle faz com que fique quase impossível de se fazer uma estratégia. Apesar dos problemas eu me diverti jogando, mas não posso recomendar para todos.

 

RIOT: Civil Unrest

7.5

Nota

7.5/10

Positivos

  • Estilo gráfico
  • Sons
  • Temática

Negativos

  • Controles e Jogabilidade
  • Preço
Mostrar mais

Jeferson Vasconcelos

PC Gamer desde os anos 90, entusiasta de VR que não consegue ficar sem jogar os velhos consoles. Aguardando há anos pelo próximo Lineage

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar